Reunião para discutir a agenda econômica

O presidente Michel Temer reuniu-se no último sábado (09) em almoço no Palácio do Jaburu com ministros e outros políticos para discutir a agenda econômica, especialmente a previsão para votar a reforma da previdência. Ao final do encontro, o Ministro da Fazenda conversou com jornalistas e falou que acredita que a reforma possa ser votada até outubro.

Além disso, foram discutidos também pontos do ajuste fiscal, como as medidas provisórias que preveem a antecipação da cobrança de Imposto de Renda dos fundos exclusivos de investimento, o adiamento dos aumentos de salário dos servidores públicos por um ano, bem como o aumento da contribuição dos servidores federais para a Previdência do serviço público. Meirelles afirmou ainda que apresentou aos presentes minuta do projeto de lei que acelera a recuperação judicial de empresas, mas ainda não divulgou detalhes.

“É importante que as reformas econômicas continuem a ser discutidas. A reforma da previdência está em evidência há meses e é uma das principais promessas do governo para conseguir lidar com o problema do déficit fiscal. Retomar a pauta e resolver a questão da Previdência é essencial para enfrentar a crise”, afirmou o advogado Marcos Meira.

 

Fonte: Agência Brasil